Sexta-feira, 07.11.08

Europa quer reatar conversações com a Rússia

Eu gosto tanto de violência como de estar com uma dor de cabeça causada pela sinusite, mas não consigo censurar a Rússia por querer colocar mísseis de curto alcance perto do escudo anti-misseis que os Estados Unidos da América pretendem construir na Europa. Apesar de não gostar de violência, não tenho problemas em recorrer a ela se não tiver outra opção. Quem é que lhes pode apontar o dedo por se quererem defender de uma potencial ameaça? Eles têm tanto direito a defender-se, como eu ou vocês.

Claro que as razões da Rússia para instalar os misseis de curto-alcance estão longe de ser apenas uma questão de defesa: petróleo, gás e orgulho ferido são alguns dos outros motivos. A Europa sabe disso. E por isso mesmo decidiu reatar as conversações com a Rússia. A cada vez mais próxima mudança nos destinos dos Estados Unidos da América também é capaz de ter ajudado a esta mudança da UE em relação à Rússia.

publicado por brunomiguel às 15:05 | link do post | comentar | ver comentários (4)
Sábado, 21.06.08

Rússia nas meias-finais do Euro 2008

No jogo de hoje dos quartos de finais do Euro 2008, a Holanda levou um banho de bola de uma Rússia surpreendentemente coesa. Pelo menos para mim, este resultado e a exibição russa são uma surpresa a todos os níveis.

Quando começou o jogo, esperava uma vitória um pouco suada da Holanda, a minha aposta para vencer o Euro 2008. Só que o holandês que está à frente da selecção russa armou a sua equipa bem e o resultado é totalmente merecido. Para além de alguns lances de bolas paradas, a equipa russa foi sempre superior a uma Holanda que, por vezes, parecia andar às aranhas em campo.

Foi um bom jogo e uma vitória totalmente merecida.

E amanhã, Espanha ou Itália? A Itália não teve a melhor fase de grupos e a Espanha, apesar de ter ganho todos os jogos e ter um saldo positivo de 5 golos, ainda não me convenceu. Se tivesse que apostar, apostaria na Espanha. Mas como os primeiros classificados da fase de grupos têm ficado pelos quartos-de-final, uma vitória italiana não me surpreenderia.

do not feed the trolls

Outros blogs meus

pesquisar neste blog

 

posts recentes

arquivos

links