Quinta-feira, 23.10.08

As figuras do planeta

As figuras do planeta

De quando em vez, gosto de visitar o Google Maps e passar algum tempo a ver algumas zonas do país - uma vez por outra, localizações internacionais. Como dificilmente irei visitar o país todo, é uma forma bastante barata de ficar a conhecer melhor Portugal.
Cheguei a usar, em tempos, o Google Earth, mas à medida que fui tomando mais conhecimento da comunidade software livre, deixei de o usar.

Em locais nacionais ainda não encontrei nenhumas figuras estranhas, como aquela numa cidade americana, se não estou em erro, onde um avião aparece parcialmente dentro de uma casa - acho que só ficam as asas e a cauda de fora. Deve ser um erro qualquer, mas tem piada. Fora de portas, recordo-me de ter encontrado uma ou outra coisa desse género, mas nunca as guardei.

Hoje, qual não é o meu espanto, ao ler a feed do Environmental Graffiti vejo um post com 30 figuras - semelhantes a rostos, partes de corpos e alguns símbolos - captadas no Google Maps. Estas figuras são simples curiosidades arquitectónicas e geológicas - algumas parecem ter sido feitas propositadamente pelo homem.

Se acham piada a este tipo de coisas, vão curtir este post do Environmental Graffiti. Eu, pelo menos, gostei.

publicado por brunomiguel às 01:36 | link do post | comentar | ver comentários (2)
Sábado, 28.06.08

Organismos Chuck Norris - os mais resistentes do planeta

O NewScientistSpace publicou um artigo interessante sobre os 10 organismos mais "duros" do planeta; organismos que conseguem sobreviver em condições consideradas por nós como terríveis. Desde bactérias termófilas que conseguem sobreviver a temperaturas de 121ºC ou -196ºC, ao Deinococcus radiodurans que consegue suportar 2000 vezes mais radiação que a necessária para matar um ser humano, passando pelas bactérias que conseguem viver mais de meio milhão de anos, podemos ficar a conhecer os Chuck Norris dos pequenos organismos.

O artigo tenta mostrar, através dos organismos terrestres que vivem nas condições mais extremas, como poderão ser as formas de vida noutros planetas - como, por exemplo, em Marte, onde recentemente foi descoberto gelo.

via Boing Boing

publicado por brunomiguel às 02:44 | link do post | comentar
Sábado, 21.06.08

O dia mais longo do ano

Hoje, por volta da 00h59m em Portugal continental e uma outra hora qualquer nas ilhas, entrámos no dia mais longo do ano - um fenómeno conhecido como solstício de verão, que ocorre a 21 de Junho no hemisfério norte do planeta.

Este é o primeiro de dois solstícios no nosso hemisfério. O outro deverá ocorrer a 21 de Dezembro e é, muito provavelmente, a base do aparecimento do Natal e de outras celebrações religiosas que ocorrem nesta altura.

No hemisfério sul, os solstícios são ao contrário: o de verão ocorre a 21 de Dezembro e o de inverno a 21 de Junho. O mesmo se passa com as estações do ano nesta parte do planeta, que também estão "trocadas" em relação ao que acontece na parte norte do planeta.

O mundo está de pernas para o ar no hemisfério sul, onde a água gira ao contrário e o verão e o inverno estão trocados (acho que é da poluição).

Segunda-feira, 09.07.07

Live Earth, a auto promoção verde

natureza1Vários palcos espalhados pelo mundo, vários artistas e personalidades convidados, o político verde Al Gore e todos eles a pedir para "Salvarem o Futuro" e a pedir para pensarem nas criancinhas (espero que a Floribella não tenha a patente sobre isto), enquanto 2 mil milhões de pessoas assistiam.
O evento Live Earth foi aproveitado pela organização para pedir aos lideres mundiais a criação de um tratado onde se comprometem a reduzir as emissões de gases tóxicos em 90% até 2050. Só os Estados Unidos são responsáveis por 30% dos gases tóxicos libertados para a atmosfera e a China responsável por 750 mil mortes prematuras, por ano. São números assustadores, não são?! Mas o evento também foi aproveitado para muitas estrelas se auto-promoverem e fazerem circo de um assunto sensível. São muito bonitas aquelas palavras de ordem do tipo “Save the Planet”, “Save Tomorrow”, etc, mas é só show-off e se não é sentido não entra no ouvido. O pessoal que dá a cara todos os dias pela conservação do planeta é que devia ter falado, mas esses estiveram estranhamente ausentes do evento...
É sabido que muitos dos artistas que actuaram nas várias cidades mundiais se deslocaram de jacto privado, deixando pelo caminho uma boa quantidade de gases tóxicos na atmosfera, mas se fossem de carro deixavam à mesma; não é por aí. E, como a Xuxa disse no palco brasileiro, todos nós somos culpados pelo actual estado do planeta, nem que seja só por não fazermos nada para ajudar. Eu também sou um pouco culpado pelo estado do planeta e tenho perfeita consciência disso. O meu computador e o router raramente são desligados, costumo demorar um bocado no banho e, às vezes, deixo a iluminação de uma divisão onde não está ninguém ligada. E depois tenho o carro que, apesar de raramente andar com ele e de ser um ecotech 1.0, ainda manda uns bons gases para a atmosfera.
Não quero parecer muito dramático ou muito extremo, mas se não fizermos nada, daqui a uma década isto está tudo virado do avesso. Porra, ainda no início da semana passada caíram uns pingos e no final da semana estava um calor do caraças. Vejam só isto, chuva em Julho. E à dois anos atrás, quando tivemos aquele Inverno seco?! Temos o tempo todo marado e as estações do ano já são uma recordação do passado. Enquanto não se acabarem com os interesses político-económicos, não vamos conseguir travar a degeneração do planeta. Nem mesmo com as lâmpadas económicas e deslocações de bicicleta. Mas acabar com estes interesses é o mesmo que Bush e a sua administração deixarem de ser megalómanos: quase utópico.
Espero que, ao menos, uma das mensagens passadas pelas estrelas, que nem deviam saber do que estavam a falar e nem porque lá estavam, tenha ficado no ouvido de algumas pessoas e comece a correr a blogosfera que nem o bip-bip porque, se não correr a blogosfera, dificilmente terá impacto.

edit: obrigado ao José Rocha pela chamada de atenção sobre o erro no número de pessoas que assistiram ao evento.
Segunda-feira, 25.06.07

Estou oficialmente Planetgeekado

Fiz uma ligação 4klds8f&$#7ds090w43w4asf»234fffdsçlf%%g:nbvcnv_GDStrre9tes_RWAefEWA>FDszfkasd_RWAqe"#&?%($#654W 5Yy_%rweyhRS0R9TIRE&_%$e&5REY09RDSGHDhdhdfhgfd?»se4't9zjdfn%3dad8, com títulos rebaixados para qualquer post. À borla, "no cent".
Estou oficialmente Planetgeekado!
publicado por brunomiguel às 12:08 | link do post | comentar | ver comentários (4)

do not feed the trolls

Outros blogs meus

pesquisar neste blog

 

posts recentes

arquivos

links