Sábado, 06.09.08

Screenshot do Mandriva 2009 RC1 com o KDE 4.1.1


Clica na imagem para a veres em tamanho real

Está bastante agradável, na minha opinião. Para veres mais screenshots do Mandriva 2009 RC1 com KDE 4.1.1, visita este álbum no Flickr.

Sábado, 09.08.08

Sem KDE 4.1 e a ponderar a remoção do Mono

Estou impossibilitado de usar o KDE 4.1. Aparentemente, as bibliotecas libgl1-mesa-dri e libgl1-mesa-glx não são software livre - pelo menos totalmente - e a única opção que tenho é a libgl1-mesa-swx11. Infelizmente, esta biblioteca, só por si, não é suficiente.

Não poder usar o KDE 4.1 não é o fim do mundo. Continuo a poder usar as aplicações desenvolvidas para este gestor de desktop no Gnome; só não tenho é plasmoids e um interface um bocadinho mais agradável que o Gnome - menos no menu de aplicações, onde o Gnome está melhor que o KDE.

Devido à recente comoção acerca dos possíveis problemas que o Mono poderá trazer para o software livre, estou tentado a removê-lo do meu sistema. Isto fará com que deixe de poder usar o Tomboy e o F-Spot, mas não será grande problema: praticamente não uso o F-Spot; e o Kjots e o Zim, por exemplo, são duas muito boas alternativas à aplicação de notas do Gnome.

A remoção de aplicações que usam o Mono é algo que não me causa qualquer desconforto; já a impossibilidade de usar o KDE 4.1 causa um pouco, porque eu estou a gostar bastante deste gestor de desktop. São estas coisas que, por vezes, me fazem pensar se não seria melhor sucumbir ao facilitismo. Mas aí estaria a trair os meus princípios, e eu prefiro sentir-me bem comigo mesmo.

O caminho para a liberdade, por vezes, tem algumas pedras que magoam os pés. Mas quando lá chegamos, a sensação de conquista, bem-estar e orgulho é superior à dor de qualquer ferida.

publicado por brunomiguel às 01:18 | link do post | comentar | ver comentários (12)
Sexta-feira, 08.08.08

Mais um screenshot do meu desktop

kde 4.1 screenshot
Clica na imagem para a veres em tamanho real.

Como voltei outra vez a usar o KDE 4.1 como gestor de desktop principal (mais ou menos uma vez por semana, alterno entre o Gnome e o KDE), decidi pegar nesta dica do Miguel Guerreiro e adicionei um plasmoid com atalhos ao desktop. Isto é mais prático que adicionar os atalhos a um painel porque não me limita o número de atalhos que posso adicionar sem perder o espaço útil disponível.

Para quem estiver interessado, estou a usar o tema e os ícones padrão do KDE 4.1. Só o wallpaper é que não é o de origem; chama-se Ecstasy e pode ser encontrado no Deviantart.

publicado por brunomiguel às 13:48 | link do post | comentar | ver comentários (5)
Terça-feira, 29.07.08

Separadores no gestor de ficheiros do KDE 4.1

kde4 kde dolphin tabs separadores
Clica na imagem, da autoria de j4v4m4n, para a veres em tamanho real

Parece que o gestor de ficheiros do KDE 4.1, o Dolphin, vai suportar tabs. Muito fixe, porque isto permite uma gestão de ficheiros um pouco mais fluida e um desktop menos povoado com janelas.

publicado por brunomiguel às 03:22 | link do post | comentar | ver comentários (2)
Quinta-feira, 26.06.08

Nova versão do Kmail e os problemas persistem

Como tenho a segunda beta do KDE 4.1 instalada, resolvi voltar a experimentar o acesso por Imap ao Gmail através do Kmail. Isto deu-me problemas no passado, com o KDE 3.5.8 e 3.5.9, e fez com que eu optasse pelo Balsa.

Como este cliente de email do KDE já está na versão 1.9.52, pensei que o problema de acesso por Imap ao Gmail estivesse resolvido. E está, em parte. Só de vez em quando é que consegue aceder por Imap ao Gmail; e quando acede, consegue por mais de um milhar de emails como não lidos. Quando o encerro e volto a executar, volta a tentar descarregar os cabeçalhos de todos os emails. Se criar uma conta "disconnected Imap" para funcionar com o Gmail, nem consegue finalizar o acesso e fica parado nos 35%.

Não há paciência para este cliente de email. Apesar de ter muitas funcionalidades que me davam jeito e de fazer parte de uma beta do KDE, vou continuar com o Balsa. Este, ao menos, só se arma em parvo de vez em quando, quando me começa a pedir a password do email sem razão aparente.

publicado por brunomiguel às 23:44 | link do post | comentar | ver comentários (2)

do not feed the trolls

Outros blogs meus

pesquisar neste blog

 

posts recentes

arquivos

links