A nacionalidade de Adão e Eva

Eu não costumo passar cartão àqueles mails da treta que todos nós recebemos, mas não consigo deixar de partilhar este que o meu irmão me enviou, com uma anedota em que Merkel, Sarkozi e Sócrates discutem a nacionalidade de Adão e Eva.

Depois de  mais uma reunião da UE alguns Ministros, para "aliviar" a pressão, resolvem  passar pelo Louvre e, alguns deles param meditativos  perante uma excelente pintura de Adão e Eva no Paraíso.

Desabafa Angela Merkel:
-  Olhem, que perfeição de corpos: ela esbelta e esguia, ele com este corpo atlético, os músculos perfilados... São necessariamente estereótipos alemães.
 
Imediatamente Sarkozy reagiu:
- Não acredito. É evidente o erotismo que se desprende de ambas as figuras... Ela tão  feminina... Ele tão masculino... Sabem que em breve chegará a tentação... Só poderiam ser franceses.
 
Movendo negativamente a cabeça, o Gordon Brown arrisca:
- Of course not! Notem... A serenidade dos seus rostos, a delicadeza da pose, a sobriedade do gesto. Só podem ser ingleses.
 
Depois de alguns segundos mais de contemplação, Sócrates exclama:
- Não concordo. Reparem bem: não têm roupa, não têm sapatos, não têm casa, só têm uma simples maçã para comer... Não protestam e ainda pensam que  estão no Paraíso. Não tenham a menor dúvida, são portugueses!

Tem piada.

tags: ,
publicado por brunomiguel às 00:29 | link do post | comentar