Morreu feliz

Nem todos têm a sorte de morrer felizes. Bob Doanne conseguiu-o, ao morrer de ataque cardiaco momentos depois de ter conseguido fazer uma partida de bowling perfeita, um feito que nunca tinha conseguido nos 45 anos em que praticou este desporto.

via Neatorama

publicado por brunomiguel às 03:00 | link do post | comentar