Pouca terra, pouca terra...

Se a REFER faz manutenção bi-semanal à Linha do Tua, como se explica que os carris desta linha estejam em tão avançado estado de degradação que basta um pontapé para desfazer uma viga de madeira? E porque estão os técnicos da REFER e CP a fazer a vistoria à linha, no âmbito da Comissão de Inquérito, quando a manutenção feita à Linha do Tua está em causa?

publicado por brunomiguel às 13:46 | link do post | comentar