Jogos Olímpicos começaram a bater recordes antes do seu início

Ainda nem tinham começado e os Jogos Olímpicos já batiam recordes. Nesta edição, um total de 63 empresas (um recorde) são patrocinadores ou parceiros oficiais e as receitas de publicidade relacionadas com os Jogos Olímpicos poderão chegar aos 6 mil milhões de dólares só na China (aparentemente, outro record).

A record 63 companies have become sponsors or partners of the Beijing
Olympics, and Olympics-related advertising in China alone could reach $4
billion to $6 billion this year, according to CSM, a Beijing marketing
research firm.


Toda esta avalanche de publicidade será visível às portas dos recintos olímpicos, porque felizmente o Comité Olímpico ainda não autoriza a exibição de publicidade dentro dos recintos. Mas não deixa de ser preocupante, como Robert Weissman, editor da Multinational Monitor, nota e explana de uma forma mais eloquente do que eu alguma vez conseguiria expor este tópico.

 

Besides celebrating sport, there is an official ideology of the
Olympics, called "Olympism." It aims to promote a pure blend of sport,
culture and education.

Sports, of course, remain at the center of the Olympics, but
commercialism has overwhelmed whatever other values the Olympics hope to
embody. The overwhelming cultural influence at the Olympics is now
commercial culture; and the overwhelming informational message is: buy,
buy, buy.


Vai ser interessante acompanhar esta edição dos Jogos Olímpicos na televisão, tanto pela curiosidade em saber se vou ser bombardeado com publicidade como pelas boas probabilidades que os atletas portugueses têm de conseguir o ouro em algumas modalidades.

publicado por brunomiguel às 19:27 | link do post