Espectativas injectadas

Cavaco disse que ia fazer um comunicado ao país. Os media começam imediatamente a fazer futurologia e a dizer o que os portugueses esperam desse comunicado, sem antes perguntarem aos portugueses o que eles realmente esperavam - se é que esperavam. Os portugueses lêem e ouvem os media dizer o que eles, portugueses, esperam e ficam à espera do que os media lhes disseram para esperar. No dia seguinte, os media entrevistam alguns portugueses e todos esperavam que Cavaco tivesse falado da crise (sempre que digo ou escrevo «a crise», apetece-me por uma música de terror de fundo).

publicado por brunomiguel às 13:10 | link do post | comentar