Insegurança.pt

A web portuguesa não está muito segura: mais de 30 mil vulnerabilidades detectadas e 1 em cada 5 computadores do Estado está vulnerável a um possível ataque ou infecção de malware.

Estes dados são de um estudo conjunto entre o Instituto Pedro Nunes (IPN) e a Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra (FCTUC), que analizaram mais de 3.6 milhões de IP, 11 mil domínios .pt, 9 mil servidores DNS e vários computadores do Estado.

Uma explanação detalhada destes resultados pode ser lido no artigo sobre este tema que publiquei no Webtuga.

publicado por brunomiguel às 19:33 | link do post | comentar