Transístor de papel

Em Portugal também se faz boa investigação e há muitos exemplos para dar, felizmente. Podemos falar de um bem recente: a participação da UC na descoberta de uma nova bactéria no Mar Vermelho. Mas também podemos falar da criação de um transistor em papel na Universidade Nova de Lisboa, uma descoberta com tanta ou tão pouca importância que já foi mencionada em sites de referência, como o Slashdot e o ZDnet.

via Carlos Rodrigues

publicado por brunomiguel às 15:26 | link do post | comentar