O problema está cá dentro

O FMI publicou um estudo [pdf] que mostra que os maiores problemas económicos de que o país sofre são, afinal, domésticos. «Défice externo e público elevados, endividamento muito alto das famílias, empresas e Estado e um substancial diferencial de competitividade» são os problemas apontados pelo Fundo Monetário Internacional.

Este relatório vai contra o discurso ultra-optimista do actual Governo e é provável que venha a ser o responsável pelo retorno de José Sócrates ao consumo de tabaco. Vamos ver como vai ele tentar safar-se.

Reacção oposta a José Sócrates deverá ter Manuela Ferreira Leite, por ver que o relatório do FMI encaixa nos seus discursos de mensageira da desgraça. O líder da bancada do PSD também deve estar feliz da vida com este relatório, porque ele vai permitir-lhe fazer boa figura já no próximo debate da Assembleia da República, uma vez que no primeiro levou uma "coça" de Sócrates.

via O Público e Carlos Serrão

publicado por brunomiguel às 16:36 | link do post | comentar