Ameaças de morte como agradecimento

As mulheres ligadas ao Debian estão a receber uma estranha forma de agradecimento pelo trabalho desenvolvido em prol deste projecto. Em vez de um jantar, umas jóias, um computador ou qualquer outra coisa, recebem ameaças de morte.

Quem descobriu isto foi Steve McIntyre, o novo líder deste projecto, numa sondagem realizada para determinar o nível de felicidade dos envolvidos no Debian.

I have since discovered that several of our female developers and documenters were threatened. It was some kook in the US who made quite a name from himself harassing women for supposedly destroying the free software movement.


Para o maluco que fez as ameaças de morte, as mulheres estão a matar o software livre. Será com excesso de sexo?

via Theregister.co.uk

publicado por brunomiguel às 11:25 | link do post | comentar