Atrasos

O hábito de chegar atrasado está tão entranhado nos costumes dos portugueses que, quando alguém decide atentar contra o Primeiro-Ministro, chega atrasado e acaba por poder apenas disparar para a parede do edifício onde José Sócrates discursou meia-hora antes.

publicado por brunomiguel às 12:30 | link do post | comentar