Europa quer Big Brother nos aviões

A Europa deve estar a apanhar com os ares dos Estados Unidos, só pode. É que o projecto da Security of Aircraft in the Future European Environment (SAFEE), que consiste em por câmaras de vigilâncias ocultas em cada lugar num avião, a fim de detectar possíveis terroristas através das expressões faciais, é coisa de fanatismo americano.

 

The European Union's Security of Aircraft in the Future European Environment (SAFEE) project uses a camera in every passenger's seat, with six wide-angle cameras to survey the aisles. Software then analyses the footage to detect developing terrorist activity or "air-rage" incidents, by tracking passengers' facial expressions.

 

Por muito que argumentem que isto é em nome da segurança, eu considero isto uma vergonhosa invasão de privacidade, um ataque à liberdade individual e um passo dado para o autoritarismo.

Se querem realmente evitar qualquer ataque ou atentado terrorista num avião, usem sistemas de detecção de explosivos, usem aquelas máquinas de detecção de metais e deixem os cães sniffar pelo aeroporto.

Agora ter uma câmara apontada a cada passageiro? Sinceramente, pá. Já parecem os americanos com o seu medo crónico.

 

Mais informações em NewScientistTech, via BoingBoing.

publicado por brunomiguel às 17:04 | link do post | comentar