Americanos roubam americanos no Iraque

Três antigos empregados de empresas americanas que estão a ajudar a "erguer" o Iraque deram com a língua nos dentes. Estes corajosos bufos dizem que, entre outras coisas, estas empresas mantinham redes de prostituição, roubavam ouro para fazer esporas de cowboys, desviavam mantimentos que tinham como destino os militares americanos e até roubavam armamento aos soldados do seu país.
De acordo com o PRWatch.org, os media mainstream americanos estão a tentar ocultar a história do público, através da sua não divulgação.
Sou só eu ou isto começa a querer parecer um regime fascista?

 

Um extenso relato desta história pode ser lido no site Motherjones.com

tags:
publicado por brunomiguel às 23:54 | link do post | comentar