O post dos porquês - porque a idade deles já lá vai

Raramente dou seguimento a um meme. A última vez que o fiz foi porque achei o assunto bastante interessante. Desta vez também o vou fazer, por achar o assunto - ou uma parte dele - interessante e por este me agradar.

A Cátia, do Cheirinho a Alfazema, "atirou-me" com duas questões: «Porque é que tens um blog?» e «Porque segues o blog que lançou o desafio?».

A resposta à primeira é simples: gosto de escrever, tenho muito tempo livre e gosto de partilhar conhecimento.
Como, de momento, a vida não me corre tão bem quanto desejaria, escrever é um excelente hobbie e uma forma de não stressar. Juntando isto ao facto de gostar de escrever, posso dizer que estou a juntar o útil ao agradável. E escrever também é (mais) uma forma de divagar e de passar a minha opinião - e eu adoro opinar.
Depois vem a parte da partilha de conhecimento. Conhecimento, já dizia a minha avó, é poder. E todos devem ter um pouco dele, para ninguém abusar. E também para não passarem a vida inteira estúpidos. Ah, e para passar a palavra do software livre, uma filosofia com que me identifico.

A resposta à segunda pergunta é mais difícil. Eu só recentemente descobri o blog da Cátia, por isso ainda não consegui criar uma opinião muito forte em relação a ele. No entanto, destaco a forma leve e descontraida com que ela escreve e expõe as suas opiniões.
Afinal não era assim tão difícil. :P

Agora deveria vir a parte em que convidaria alguém para dar seguimento ao meme. Mas não o vou fazer, porque parte deste meme "obriga" a umas palmadinhas nas costas e eu não quero isso, porque estou com dores de costas e umas palmadas agora não sabiam nada bem. Prefiro antes deixar ao critério de quem lê este blog dar o seguimento ou não ao meme - mas sem as palmadinhas nas costas; olhem as minhas dores.
tags:
publicado por brunomiguel às 01:34 | link do post | comentar