Pensamentos soltos

O que nos levará a deixar de fazer algo de que gostávamos? A que altura paramos, porque paramos? Quais os motivos, se é que os há? Haver, há; tudo tem motivos. Difícil é saber quais são eles. Olhar para o passado por vezes sabe bem.
publicado por brunomiguel às 21:54 | link do post | comentar