O interesse dos outros

Na lista do Planetuga surgiu o tema do SEO [ver definição]. Isto trouxe-me à memória algumas divagações que tive sobre o assunto, por isso decidi manifestar o meu desagrado por esta obsessão, sem me dirigir a ninguém em particular.

Porque raio é que a geekosfera anda tão preocupada com a optimização de títulos, ao ponto deste não dizer praticamente nada sobre o texto - apenas um punhado de palavras-chave juntas sem qualquer nexo? E porque se preocupam tanto com o facto de utilizarem, no texto, muitas ou poucas palavras-chave muito pesquisadas?

Juro que não percebo esta tara. Eu tenho os títulos do meu blog "optimizados" da forma que considero ser melhor para os organizar (gosto de ter as coisas organizadas à minha maneira); as palavras-chave que utilizo estão no texto; e não forço o uso de determinadas palavras num texto, só porque elas são mais ou menos pesquisadas. Prefiro escrever, sem ligar a estas coisas. Depois de escrito o texto, e como sei que tenho que ter uma pequena atenção a alguns destes pormenores que são obsessão para muita gente, para que os motores de busca indexem correctamente os meus conteúdos e para facilitar o acesso a eles numa pesquisa, preencho os campos do plugin All in One SEO Pack. Mais que isto, não!

Esta obsessão pelo SEO, que se torna também numa obsessão em escrever sobre assuntos que interessam aos outros, traduz-se, muitas vezes, em posts que têm tanta palha - por exemplo, escrever ubuntu e opensource em quase todas as frases de um texto - que são uma valente merda. E metam valente nisto; e merda também!

Porque é que, em vez de se preocuparem tanto com os SEOs e o camandro, não se preocupam em escrever algo com interesse? A médio e longo prazo seria muito melhor. Eu tenho cá para mim que os conteúdos com interesse são melhores que andar preocupado com a optimização dos títulos e a escolha das palavras-chave; mas eu não sou nenhum expert na matéria, por isso o mais certo é estar enganado.

Bem, são opções. Cada um sabe de si - ou devia saber.
publicado por brunomiguel às 22:14 | link do post