host -l é crime

Eu estou sempre à espera de qualquer coisa parva vinda dos Estados Unidos, mas confesso-me surpreso por saber que um juiz do North Dakota considerou a utilização do comando "host -l" crime.
Diz este troll, perdão, juiz, que o "host -l" equivale a práticas digitais criminosas por revelar informação que não devia ser do conhecimento público. Oi?!
Mais um pouco e o simples acto de utilizar o computador é crime neste estado.

Informações mais detalhadas sobre esta caso caricato podem ser lidas nos sites downloadsquad.com e circleid.com.
publicado por brunomiguel às 21:39 | link do post | comentar