Há qualquer coisa no ar e não é um portátil

Ontem, quantidades enormes de sémen foram libertadas. A causa: a keynote do Steve Jobs, aquele gajo que não tem problemas em utilizar tecnologias que restringem os utilizadores; mas que, por razões que me escapam, é idolatrado pelos Appleianos (aqueles fanáticos da Apple que só vêm maçã à frente).
publicado por brunomiguel às 04:19 | link do post | comentar