Neurónios coloridos

Neurónios coloridosInvestigadores da Universidade de Harvard desenvolveram uma técnica que faz com que os neurónios sintetizem 90 cores diferentes, com a cor de cada neurónio a variar conforme as proteínas que contém e a sua quantidade. Para atingir este "arco-íris" cerebral, são inseridos, no cérebro, genes de alforrecas bioluminiscentes, corais e várias fontes sintéticas, criando imagens dignas de uma tripe de LSD.

O objectivo da investigação não é produzir obras de arte psicadélicas, embora as imagens sejam algo de extraordinário, mas a observação da evolução e funcionamento dos circuitos cerebrais, o que poderá permitir, à posteriori, a melhor compreensão das doenças neurológicas e do efeito das drogas no cérebro humano.

O processo foi, até ao momento, apenas testado em ratos, mas já se planeia a realização de testes em diferentes animais e mesmo plantas. Em humanos, para já, não será possível, uma vez que o cérebro humano não permite a replicação do processo sem haver sérios estragos.

{Fonte: Chemistry World, via Boing Boing}

ps: este foi o meu primeiro post com o Flock
publicado por brunomiguel às 05:36 | link do post | comentar