Uma outra forma de experimentar GNU/Linux

Escrevi à pouco um artigo no Webtuga sobre um site que permite criar máquinas virtuais para o VMPlayer. É possível definir a quantidade de ram, o tamanho do disco virtual e o sistema operativo a ser instalado. Depois de criada a imagem, o utilizador tem que fazer o download de um arquivo zip com os dois ficheiros necessários. Mas atenção, a máquina virtual está em branco (não me parece que o criador deste site tenha autorização para disponibilizar imagens das várias versões de Windows).

Isto é muito porreiro para os utilizadores de Windows que queiram experimentar um sistema operativo de qualidade (os livres), mas não saibam muito bem como criar uma máquina virtual e não queiram iniciar sessão num liveCD. A criação do disco virtual e do ficheiro de configuração do VMPlayer vai poupar parte do trabalho de criação de uma máquina virtual aos utilizadores.

O ideal seria que ganhassem tomates e começassem a instalar uma qualquer distribuição de GNU/Linux direccionada para o desktop no seu computador pessoal. Infelizmente, estão acomodadas com a perda constante de performance, falhas de segurança não corrigidas, vírus, trojans, spyware, adware, keyloggers, falta de controlo do computador, etc e tal.

Eu sou um sonhador, por isso acredito que um dia o software livre reinará, as pessoas não terão medo do que é novo, os governos usarão standards abertos, o Richard Stallman cortará a barba (e eu também).

{Virtual Machine Creator, via Webtuga}
publicado por brunomiguel às 17:20 | link do post | comentar