Mandriva 2008 já está entre nós

Seis meses após o lançamento da última versão do Mandriva, o projecto lançou hoje a versão final do Mandriva 2008. É mais um marco importante para esta distribuição, depois de quase ter fechado portas devido a dificuldades financeiras.

O Mandriva 2008 continua na linha dos desktops, com a inclusão do KDE 3.5.7, GNOME 2.20, XFCE 4.4.1, OpenOffice 2.2.1, Xorg 7.2, Compiz Fusion 0.5.2, Firefox 2.0.0.6 e ainda uma preview do KDE4. No coração da distribuição está a mais recente versão estável do kernel do Linux, Linux 2.6.22.9, que vem com uma melhor gestão da energia - boas notícias para os utilizadores de portáteis.

Neste lançamento, a transição dos menus do sistema usado no Debian para o standard XDG está quase completa e o sistema de hardware foi alterado para aquele usado pelo Fedora. As ferramentas de configuração e gestão de rede foram fundidas numa única ferramenta, o Draknetcenter; foi criada uma ferramenta para importar as definições de uma instalação de Windows para o Mandriva; e foi introduzido um novo layout do menu. Poderão ver a lista completa de novidades aqui.

A distribuição está a apostar numa cada vez melhor experiência para os utilizadores e merece todo o destaque que se possa dar, não apenas por estar cada vez melhor, mas por não ter baixado as calças à Microsoft quando esteve com dificuldades financeiras.

Download
Lista de novidades do Mandriva 2008
Anúncio oficial
Screenshot

{Fonte: Linux Today}
publicado por brunomiguel às 15:41 | link do post | comentar