E o tema do dia é: "O país está doido!"

Bem, hoje o tema do dia é o desagrado de Santana Lopes face à interrupção que a sua entrevista sofreu, por causa de um directo da chegada do treinador com uma alcunha que podia ser o nome de uns cereais: José Mourinho, The Special One (K?!). Como quero umas visitas ao meu blog, vou escrever uns rabiscos sobre isto.

Pedro Santana Lopes foi à Sic Notícias para comentar o actual estado de crise criado pela corrida à presidência do Partido Social Democrata. Eu estava, para não variar, colado ao computador, enquanto ia olhando aos poucos para a entrevista. Ele estava a dar a sua opinião, quando, a dada altura, a Ana Lourenço - sempre com um óptimo aspecto, diga-se de passagem - interrompe a intervenção do antigo Primeiro Ministro para dar um directo da chegada do ex-treinador do Chelsea.

No final deste directo inesperado, Santana Lopes mostrou-se muito desagradado e abandonou os estúdios da SIC, sem antes ter feito uma crítica à comunicação social e à importância exagerada que os portugueses dão a temas de pouca importância.

Em certa medida, concordo com o Santana, o país está doido, e com a opinião do Phil, do Phil's Mind Spot, quando diz que o Santana teve tomates para dar por encerrada a entrevista. Realmente os blocos noticiosos vão de mal a pior, e também é verdade que as tretas e a miséria alheia fazem as delícias dos portugueses. Mas esta indignação não será também para voltar a chamar um pouco a atenção dos radares políticos sobre ele? Talvez se tenham juntados os valores à oportunidade.

ps: não gosto, nem percebo, nada de política
publicado por brunomiguel às 16:36 | link do post | comentar