Board com defeito, marca descarta-se

Em Fevereiro, o meu computador, do nada deixou de funcionar; ligava, mas não apresentava imagem. Abri a caixa e reparei que o processador estava ligeiramente solto. Agarrei-o, para ver o que se passava, mas o processador soltou-se juntamente com o dissipador, sem que eu tivesse feito força para o tirar.

Isto não é nada normal, como devem imaginar. O processador nunca deveria sair sem a patilha de segurança levantada. Mas a verdade é que isto aconteceu.

Na loja onde o adquiri, disseram-me que era defeito da board e como tal estava abrangido pela garantia. Só que a marca descartou-se e eu fiquei a arder.

A minha sorte é que o dono da loja reconheceu que, de facto, foi defeito de fabrico e fez-me um preço porreiro por novo processador (estragou-se por causa da board) e board. Agora, em vez de um AMD dualcore de 64bit, vou, diz o meu irmão, ter um Intel quadcore de 64bits. Vou é ter que pagar €120.

Da próxima vez que abrir o meu computador, gravo todo o processo.

publicado por brunomiguel às 12:57 | link do post | comentar